Anton Pannekoek (1873-1960)

Autores, Formação

Anton Pannekoek (1873-1960)

Anton_Pannekoek

 

Astrônomo reconhecido internacionalmente, foi como marxista e militante que o holandês Anton Pannekoek conseguiu captar em perspectiva e transformar em teoria o processo pelo qual passou o chamado Movimento Operário e Socialista e suas organizações. Criticou em profundidade as formas de organização tradicionalmente utilizadas pelo movimento dos trabalhadores – partidos políticos e sindicatos, além das táticas e estratégias do marxismo ortodoxo (bolchevismo e social-democracia). Defensor da autonomia do proletariado, escreveu sobre as formas alternativas de organização que os trabalhadores em luta instituíam, dentre as quais se destaca o Sistema de Conselhos Proletários, forma institucional encontrada pela luta proletária, que resolveu o problema da transição entre o capitalismo e o comunismo ao demonstrar que era desnecessário instituir formas estatais intermediárias entre os dois modos de produção.

Disponibilizamos abaixo alguns de seus escritos que entendemos importantes para estudos e reflexões que tem por objetivo realizar práticas transformadoras.

A Ação Individual (1933)
Anton-Pannekoek-1933-A-ação-individual

 

Carta à Sylvia Pankhurst (1922)
Anton-Pannekoek-1922-Carta-a-Silvia-Pankhurst

 

A Destruição como Forma de Luta (1933)
Anton-Pannekoek-1933-A-destruição-como-forma-de-luta